A embaixada da R.P.C. na Tailândia relembra os cidadãos chineses a manterem-se vigilantes quanto ao risco de segurança em Banguecoque


2013-12-01 22:28

Fonte : Gabinete de Gestão de Crises do Turismo

Na sequência do reforço da mensagem da Embaixada da R.P.C na Tailândia, relembrando os cidadãos chineses a manterem-se vigilantes quanto ao risco de segurança em Banguecoque na Tailândia, o Gabinete de Gestão de Crises do Turismo (GGCT), relembra os residentes de Macau que se encontrem ou que pretendam viajar para o Banguecoque a manterem-se vigilantes, atentos ao evoluir da segurança local, que planeiem cuidadosamente os seus itenerários de viagem, aumentem o nível de segurança pessoal e a evitar as proximidades dos locais das demonstrações.

 

Segue-se a tradução na íntegra da mensagem:

 

"Com o recente alastrar das manifestações na Tailândia, os manifestantes têm vindo a ocupar um número de departamentos governamentais e instituições judiciárias, tentando ainda perfurar as barreiras montadas à porta das esquadras de policia. Estações de televisão e fornecedores de serviços de comunicações moveis foram ocupadas, levando a que fornecimento de electricidade e telecomunicações tenham sido afectadas. Casos de violência já foram registados na Universidade de Ramkamhaeng a 30 de Novembro dando origem a casualidades.

 

Os manifestantes anti-governamentais já anunciaram a organização de outra demonstração de larga escala a 1 de Dezembro. As autoridades governamentais já responderam com o reforço da segurança local nas principais zonas.

 

Tendo em conta a actual situação, a embaixada da R.P.C. na Tailândia relembra novamente os cidadãos chineses que se encontrem ou que pretendam viajar para o Banguecoque a manterem-se vigilantes e atentos à informação de segurança local, que planeiem cuidadosamente os seus itenerários de viagem, evitem as proximidades dos locais das demonstrações, saídas nocturnas e a tomarem medidas eficazes de modo a precaverem a sua segurança pessoal. Vestuário vermelho e amarelo deverá ser evitado, de modo a atrair para si problemas desnecessários. Caso esteja em situação de perigo, é favor de contactar a embaixada da R.P.C na Tailândia, Tel: 00 66 854 833 327 (na Tailândial: 0854 833 327)."

 

Através da informação recolhida da indústria turística de Macau, de momento encontram-se 4 grupos de excursão organizada de Macau em viagem na Tailândia com um número total de aproximadamente 40 participantes e 6 grupos de excursão organizada de Macau com um número total de aproximadamente 74 participantes que estarão de partida para a Tailândia durante a próxima semana.

 

Até ao momento o GGCT recebeu um total de 23 pedidos de informação através de chamadas telefónicas, sem ter recebido no entanto qualquer pedido de auxílio. Em caso de necessidade os residentes de Macau poderão contactar a linha aberta para o turismo (24 horas) através do número de telephone: (853) 2833 3000 ou a embaixada da R.P.C na Tailândia.

 


-- Fim --